Por: Cooperativa Integrada

Qua, 19 set 2018

Emergência no Oeste

As primeiras plantas de soja começam a emergir nas áreas dos associados da Integrada no oeste do Paraná. Os agricultores semearam a soja mais cedo se comparado a outras regiões do Estado, a exemplo do norte paranaense em que muitos agricultores nem chegaram a iniciar a semeadura.

De acordo com o Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento (Seab), a área destinada à oleaginosa no ciclo 2018/19 será a mesma no comparativo com o ciclo anterior, em torno de 5,45 milhões de hectares. Contudo, devido às boas projeções do clima, o rendimento esperado deverá ser 2% maios se comparado à safra 2017/18.

O Deral estima uma produção de 19,6 milhões de toneladas de soja, volume 3% maior no comparativo com o mesmo período do ciclo anterior.

Outras notícias

  • Agricultores paulistas conhecem cooperativismo paranaense

    Integrada apresenta a produtores de Santa Cruz do Rio Pardo as intenções da cooperativa em São Paulo

    Ler
  • Percevejos assombram sojicultores

    O aparecimento contínuo de insetos tem se intensificado nas últimas safras; Integrada e UPL fazem evento sobre o assunto com produtores do Norte do Paraná

    Ler
  • Ferrugem chegou mais cedo

    Dados da Embrapa apontam o aparecimento da doença bem antes do previsto

    Ler
  • Validação técnica

    Integrada traça estratégias técnicas com os cooperados para a safra em andamento

    Ler
  • Tendências da safra verão

    El Niño deve favorecer a produção de soja no sul do Brasil

    Ler