Nós usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência em nossos serviços e personalizar conteúdo de seu interesse. Não rastreamos suas atividades on-line em sites de terceiros ou outros serviços on-line. Monitoramos suas atividades em nosso Site e Portal do Cooperado apenas durante o tempo em que você estiver conectado. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o tal monitoramento. Em caso de dúvidas ou mais informações veja nossa Política de privacidade.

Definição de cookies

Quando visita um website, este pode armazenar ou recolher informações no seu navegador, principalmente na forma de cookies. Esta informação pode ser sobre si, as suas preferências ou o seu dispositivo e é utilizada principalmente para fazer o website funcionar conforme o esperado. Uma vez que respeitamos o seu direito à privacidade, pode optar por não permitir alguns tipos de cookies. No entanto, o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar a sua experiência no website e os serviços que podemos oferecer.

Escolha a forma de interagir com nosso site:

Cookies Essenciais
Cookies de Desempenho
Cookies de Publicidade
Cookies de Redes sociais
Cookies de Funcionalidade

Regulamento do Programa Silo de Ideias

O Silo de Ideias é o programa de intraempreendedorismo da Integrada, ele busca trazer inovação para a Cooperativa através das ideias dos seus colaboradores.

A Integrada acredita que não há ninguém melhor do que seu time interno para trazer ideias inovadoras, que irão melhorar os processos e agregar mais valor à Cooperativa, aumentando os resultados financeiros e criando uma cultura favorável à inovação.

Tem uma ideia que pode melhorar a Cooperativa e trazer resultados financeiros? Então conheça as etapas para participar do Silo de Ideias:

FASE 1 – SUBMISSÃO DA IDEIA

As ideias podem ser submetidas por qualquer colaborador da Cooperativa, sendo individual ou em grupo de até 5 colaboradores.

Os canais para submissão de ideias são:

Para acessar o Silo de Ideias, o colaborador deve utilizar os dados do seu e-mail institucional (usuário e senha). Caso não possua e-mail institucional, o colaborador pode solicitar um cadastro com o suporte de TI de sua unidade (obs: o cadastro será apenas para o acesso à plataforma ou app AEVO, não será criado um e-mail institucional).

O colaborador que quiser submeter uma ideia deve preencher o formulário (físico ou eletrônico) com as seguintes informações:

  • Nome completo (apenas no formulário físico);
  • Matrícula (apenas no formulário físico);
  • Título da ideia;
  • Problema a ser resolvido;
  • Descrição da ideia;
  • Benefícios da ideia;
  • Membros da equipe (limitado a 5 colaboradores);
  • Classificar a ideia (Aumento de Receita/Margem, Redução de Custo e/ou Redução de Despesa);

FASE 2 – PRÉ AVALIAÇÃO DA IDEIA

As ideias submetidas passam pelo crivo do núcleo de inovação do setor de Planejamento e Desenvolvimento, que avalia se elas atendem aos critérios obrigatórios, que são:

  • Aumentar receita/margem;
  • Reduzir custos/despesas;

Além desses requisitos, não serão permitidas ideias repetidas para os mesmos problemas.

É nessa fase que a ideia ganha um Agente de Inovação. O agente é um colaborador da Integrada que vai participar do desenvolvimento do projeto e será responsável por:

  • Auxiliar o colaborador que propôs a ideia a preencher o formulário complementar da ideia;
  • Auxiliar o colaborador que propôs a ideia a montar a apresentação para o comitê que vai avaliar a proposta (fase 4);
  • Atualizar as etapas do projeto na plataforma AEVO (para as ideias aprovadas);
  • Apresentar os relatórios de acompanhamento da ideia para o núcleo de inovação durante os períodos de implantação até o fim do monitoramento (fase 5 e 6).

Quem escolhe o Agente de Inovação é o colaborador que propôs a ideia. Ele recebe uma lista com todos os agentes disponíveis e escolhe o que julgar mais adequado para colaborar com a sua proposta. O agente será convidado a participar do projeto e precisa aceitar o convite.

Definido o agente, ele irá auxiliar o propositor com a ficha complementar da ideia, na qual devem constar informações mais detalhadas sobre a proposta. No formulário complementar será solicitado:

  1. Quais os principais passos para se implantar a ideia (principais marcos)?
  2. Quais os principais riscos de se implantar essa ideia?
  3. Quais indicadores serão utilizados para mensurar os ganhos após a implantação da ideia?
  4. Investimento financeiro necessário para implantar a ideia.
  5. Retorno financeiro estimado com a implantação da ideia.

Após submissão do formulário complementar, ideias que não necessitam de investimento financeiro são encaminhadas para a aprovação social. Já as ideias que necessitam de investimento financeiro são avaliadas quanto ao retorno previsto, sendo encaminhadas para a fase de aprovação social apenas as ideias que atendam ao critério de retorno de 3 por 1, ou seja, a cada R$1 investido, ela deve retornar R$3.

FASE 3 – APROVAÇÃO SOCIAL

Depois de pré-avaliada, as ideias aprovadas ficam disponíveis na plataforma de gestão da inovação AEVO para a fase de aprovação social. Nessa etapa as ideias dependem da aprovação dos colaboradores da Cooperativa para seguirem adiante.

Na plataforma, os colaboradores podem curtir e comentar as ideias e aquelas que atingirem, no mínimo, 25 curtidas, são habilitadas para a próxima fase.

FASE 4 – AVALIAÇÃO DA IDEIA

A avaliação final será realizada por um comitê que poderá aprovar, reprovar ou solicitar ajustes na ideia.

O autor da proposta fará uma apresentação em formato de pitch, de até 10 minutos, em uma data, hora e local previamente agendado e comunicado com antecedência aos envolvidos.

O gerente da área impactada pela ideia, bem como o Agente de Inovação que auxiliou no desenvolvimento da ideia, poderão participar da apresentação. Após os 10 minutos do autor, o comitê também terá 10 minutos para fazer perguntas e sugestões sobre a ideia e na sequência, encerra-se a apresentação.

O resultado da deliberação do comitê é informado ao autor da proposta pelo núcleo de inovação, em até 02 dias após a apresentação.

Três comitês da Integrada atuam na avaliação das ideias. A definição de qual comitê irá avaliar a ideia depende dos investimentos financeiros necessários, conforme critérios abaixo:

Comitê de Inovação - GPD

É o comitê responsável por avaliar propostas que não necessitam de investimento financeiro ou com investimento financeiro de até R$10.000,00 (dez mil reais).

O comitê é formado pelo setor de Planejamento e Desenvolvimento, podendo haver o convite para outros colaboradores dos demais setores envolvidos na ideia para a avaliação.

Comitê de Finanças e Estratégia

É o responsável por avaliar propostas com investimento financeiro de R$10.000,01 (dez mil reais e um centavo) até R$100.000,00 (cem mil reais). Além disso, é responsável também por emitir um parecer para o Comitê de Gestão, sobre as ideias que venham a ter um investimento financeiro superior a R$100.000,00 (cem mil reais).

O Comitê de Finanças e Estratégia é composto por membros dos setores de Planejamento e Desenvolvimento, Controladoria, Financeiro, Relacionamento com Cooperado, Insumo e Técnica, Produtos Agrícolas e Industrial.

Comitê de Gestão

É o responsável por avaliar ideias com investimento financeiro superior a R$100.000,00 (cem mil reais).

O Comitê de Gestão é formado por oito representantes, sendo eles os três diretores executivos da Integrada, o superintendente geral e os quatro superintendentes das áreas macro.

FASE 5 – IMPLANTAÇÃO DA IDEIA

Após a aprovação da ideia pelo comitê responsável, é chegado o momento de implantar a proposta. Nesta fase, o time autor da ideia ficará com a responsabilidade de implantar a ideia e poderá contar com o auxílio do Agente de Inovação para orientá-los nesse desafio.

Durante a implantação, o Agente de Inovação deverá informar o andamento dos principais marcos na plataforma de gestão da inovação AEVO e, quando a ideia tiver a implantação finalizada, ele deverá finalizar a implantação na plataforma.

Nesse momento, com a ideia implantada, o time receberá o valor de R$ 500,00 que será dividido igualmente entre os membros da equipe. O pagamento ocorrerá junto com a folha de pagamento dos colaboradores da equipe, no mês subsequente ao da implantação da ideia.

FASE 6 – ACOMPANHAMENTO

O núcleo de inovação ficará responsável por monitorar a ideia por 12 meses, acompanhando os indicadores apresentados ao comitê. Após esse período, será apurado o resultado financeiro da ideia.

Com base no retorno financeiro que a ideia proporcionar à Cooperativa, os colaboradores que fizeram parte da equipe e o agente de inovação terão direito a 5% do resultado mensurado durante o monitoramento (12 meses subsequentes à implantação da ideia), sendo esse valor limitado a R$ 10.000,00 (dez mil reais), divididos igualmente entre eles. O pagamento ocorrerá junto com a folha de pagamento dos colaboradores da equipe no mês subsequente ao da apuração do retorno financeiro da ideia.

Após essa etapa, o ciclo da ideia é finalizado!

Qualquer dúvida sobre o programa, entre em contato pelo e-mail silodeideias@integrada.coop.br ou pelo whats app (43) 3294-7104.

Precisa de ajudar para submeter uma ideia ou baixar o aplicativo? Procure o suporte de TI da sua unidade!

Londrina, 07 de Junho de 2021.
Gerência de Planejamento e Desenvolvimento